AJL passa a ser gerida por uma comissão de gestão

A Associação Jovem Lagoense, concelho de Lagoa, na ilha de São Miguel,  passa a ser gerida por uma Comissão de Gestão, Manutenção e Recuperação para os próximos meses, até marcação de novo ato eleitoral, isto conforme votação unânime dos sócios na Assembleia-Geral.
 
Após a renúncia ao cargo da ex-presidente, Miriam Ponte, e a impossibilidade de concertação interna sem a gestão coordenada de uma Comissão formada para o efeito, foi concretizada, junto dos sócios, esta solução.
 
Assim, na mesma Comissão, fazem parte Júlio Tavares Oliveira, Marta Oliveira Arruda e Jacinta Carreiro, que assumem, deste modo, a gerência interna, e interina, da AJL durante os próximos meses.
 
Júlio Tavares Oliveira afirma que “é tempo de recuperar os últimos meses”, complementando que é necessário “meter os assuntos da ordem do dia em dia”, conforme, também, anunciou aos sócios presentes.
 
O presidente da Comissão de Gestão revela ainda um “Plano Interno de Sustentabilidade” para fazer valer “uma AJL ainda mais forte, sustentável, e afirmativa”.
 
AA/AJL