Biblioteca da Horta promove palestra sobre a história menos visível

A Secretaria Regional da Cultura, da Ciência e Transição Digital, por via da Direção Regional da Cultura (DRC), através da Biblioteca Pública e Arquivo Regional João José da Graça (BPARJJG), promove, no dia 27 de outubro, pelas 21h00, a realização da palestra “Ler a história dos edifícios e lugares pelo seu lado menos visível”, proferida pelo historiador Francisco Queiroz, que vai decorrer no auditório da Biblioteca Pública da Horta.

Francisco Queiroz, doutorado em História da Arte, pela Universidade do Porto, foi coordenador adjunto do Grupo de Investigação “Heritage, Culture and Tourism”, do CEPESE – Centro de Estudos da População, Economia e Sociedade, onde, em 2014, concluiu os seus trabalhos de pós-doutoramento sobre a arte tumular do século XIX em Portugal. 

Especializado em arte portuguesa do período romântico, dedicou, porém, cerca de vinte e cinco anos de investigação à História da Família, do ponto de vista das biografias, dos espólios fotográficos, e da tumulária como fonte genealógica – tema que apresentou, como orador convidado, na primeira pós-graduação sobre História da Família realizada em Portugal. 

Editou, entre outra bibliografia, a “A Casa do Terreiro de Leiria”, obra de três volumes com mais de 500 páginas cada um. É ainda membro da Associação Portuguesa de Genealogia, e nos últimos anos, tem dado formação sobre genealogia em diversas localidades portuguesas e nos Açores.

AA/GRA