Câmara da Ribeira Grande celebra protocolos com diferentes instituições

A Câmara da Ribeira Grande celebrou três protocolos financeiros com outras tantas instituições do concelho com objetivos distintos em todos eles, investindo mais de 50 mil euros para a operacionalização dos mesmos.

Assim, com a corporação dos bombeiros voluntários da Ribeira Grande foi celebrado um protocolo no valor de 15 mil euros que pretende “fazer face à perda de rendimentos devido à pandemia por covid-19”, explicou Alexandre Gaudêncio.

O presidente da autarquia realçou que este investimento “pretende fazer face às perdas de rendimentos verificadas nos últimos seis meses, em parte devido ao facto dos bombeiros terem ficado impossibilitados de realizar vários serviços que normalmente realizavam, como a limpeza de fossas ou o aluguer do autocarro.”

Com o lar de idosos Jacinto Ferreira Cabido, foi celebrado protocolo no montante de 28 mil euros que visa a comparticipação na aquisição de equipamento de videovigilância, “fundamental para maior controlo e rentabilização dos recursos humanos existentes, principalmente em contexto de pandemia”, acrescentou o edil.

A Câmara da Ribeira Grande também celebrou protocolo com a Santa Casa da Misericórdia da Maia, no valor de 9750 euros, para implementação de projeto sócio-educativo nos estabelecimentos de ensino do primeiro ciclo da escola básica/integrada da Maia.

Até ao final do corrente ano a autarquia prevê celebrar mais um conjunto de protocolos que vão dar resposta a vários pedidos de apoio rececionados pela Câmara da Ribeira Grande. As parcerias com as instituições são fundamentais para o trabalho em rede, muito em particular no contexto de pandemia.

AA/CMRG