Câmara Municipal de Ponta Delgada apoia Festival “Walk&Talk e projeto “Temporadas”

O Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada assinou dois protocolos de cooperação com a “Anda & Fala”, no âmbito dos quais a autarquia atribui uma verba global de 72.292 euros a esta associação cultural com vista a apoiar o “Walk&Talk” e o projeto “Temporadas”.

Para o Festival Anual de Artes “Walk&Talk”, que se realiza entre 14 e 23 de julho próximo, a autarquia atribui um apoio de 20.000 euros.

Uma verba que, segundo afirma o Presidente da Câmara Municipal, “se justifica plenamente, porque o “Walk&Talk” tem contribuído para o dinamismo da transmissão de experiências e de referências culturais e artísticas a públicos diferenciados, além do que incentiva a criação artística contemporânea e potencia a circulação de obras e autores, quer a nível nacional, quer a nível internacional”.

Para Pedro Nascimento Cabral, “é motivo de orgulho para Ponta Delgada ser berço de uma associação como a “Anda & Fala”, parceira estratégica da autarquia desde 2013 e que promove a cidade e o concelho a nível nacional e internacional”.

A associação esteve representada na assinatura dos protocolos por Sofia Botelho, Vice-Presidente da Direção, que fez questão de sublinhar a importância dos apoios da Câmara Municipal, que “tem sido um verdadeiro parceiro, sem o qual não conseguiríamos concretizar os nossos eventos”.

Entretanto, a verba destinada a apoiar o projeto “Temporadas”, promovido pela mesma associação, é de 53.922 euros.

Ao longo dos anos que a “Anda & Fala” promove diversos eventos culturais que têm contribuído para o dinamismo da transmissão de experiências e referências culturais e artísticas a públicos diferenciados.

A associação concorreu com “Temporadas” aos EEA Grants – Connecting DOTS, um concurso que financia projetos com programação artística multidisciplinar e visa o reforço da oferta, o alcance e a participação nas artes das regiões de baixa densidade cultural, incluindo os Açores. Acabou por ser um dos nove  vencedores a nível nacional.

O projeto dispõe de uma programação multicultural e bienal, envolvendo vários artistas locais, nacionais e internacionais, promovendo a criação, investigação e a produção de projetos artísticos, potenciando a diversificação e a qualificação artísticas em Ponta Delgada.

Um dos objetivos do protocolo assinado com a autarquia é incluir na programação do  “Temporadas” iniciativas culturais no âmbito do projeto pedagógico e cultural “Escola Novas Rotas”.

Como salientou o Presidente da Câmara Municipal, “este é um projeto pedagógico inovador, executado pela Escola Básica Integrada de Capelas e instalado na Quinta do Norte, que envolve alunos, pais, encarregados de educação, educadores e tutores, num contexto de aprendizagem cooperativa, alicerçado num modelo alternativo ao ensino convencional”.

“A Escola Novas Rotas engloba o compromisso cultural com o Plano Nacional de Artes, tendo como escopo a valorização das Artes, da Cultura e do Património do Concelho de Ponta Delgada”, refere Pedro Nascimento Cabral, adiantando que “o Município de Ponta Delgada tem assumido um papel interventivo no apoio às instituições que desenvolvam atividades promotoras ou valorizadoras do património e da cultura concelhios”.

AA/CMPD