Casa Manuel de Arriaga acolhe segunda edição de “Conversas de Museu”

A Secretaria Regional da Cultura, da Ciência e Transição Digital, por via da Direção Regional da Cultura, através do Museu da Horta, promove a 12 de novembro, pelas 18h30, a segunda edição de “Conversas de Museu”, na Casa Manuel de Arriaga, na Horta, com a presença de Nuno Ribeiro Lopes, integrado no ciclo de conversas informais intitulado “Tertúlias do Arriaga”.

Nuno Ribeiro Lopes licenciou-se em arquitetura, pela Escola Superior de Belas Artes do Porto, em 1977, foi responsável pelo projeto da Malagueira, em Évora, da autoria do Arq. Álvaro Siza, de 1979 a 1996; dirigiu a Divisão de Iniciativas Urbanísticas Municipais da Câmara Municipal de Évora, de 1990 a 1996; e foi Diretor do Departamento do Centro Histórico de Évora, de 1996 a 2002.

Entre 2002 e 2005 foi coordenador do Gabinete e Vogal da Comissão Diretiva da Paisagem Protegida da Vinha da Ilha do Pico e responsável pela Candidatura da Paisagem Protegida da Vinha da Ilha do Pico a Património Mundial – Paisagem Cultural.

Foi, igualmente, responsável pelo projeto de Candidatura da Universidade de Coimbra a Património Mundial, bem como professor auxiliar convidado na Universidade de Évora, Departamento de Arquitetura, de 2005 a 2009 e exerceu o cargo de Diretor Regional da Cultura entre 2012 e 2018.

Nos Açores concebeu alguns dos mais audaciosos espaços de fruição pública, casos do Centro Interpretativo das Furnas de Enxofre (Graciosa), a Casa da Montanha (Pico) e o Centro Interpretativo do Museu dos Capelinhos.

Responsável pela nova geração de diplomas legais em uso nas áreas do património cultural, dos museus e das bibliotecas, centrará a sua palestra na transformação do paradigma nos museus regionais, da criação da Rede de Museus e Coleções Visitáveis dos Açores e a relação entre arquitetura e museus.

A entrada é livre, sendo obrigatório o uso de máscara.

AA/GRA