“Cemitério dos Esquecidos”, de Xavier Ramos, em exposição no CMC até 8 de abril

“Cemitério dos Esquecidos”, da autoria de Xavier Ramos, está patente na Sala do Forno do Centro Municipal de Cultura (CMC) de Ponta Delgada até ao dia 8 de abril.

A exposição pode ser visitada de segunda a sexta-feira, entre as 09h00 e as 17h00, e aos sábados das 14h00 às 17h00.

A mostra é composta por 38 quadros em aguarelas, acrílico e pastel de óleo sobre tela e papel, através dos quais o artista expressa fortes críticas sociais contrastadas num estilo um tanto ilustrativo com um toque surrealista.

Xavier Ramos nasceu em agosto do ano 2000 na freguesia dos Remédios, concelho de Ponta Delgada, onde reside. O seu gosto pelas artes conduzi-o à pintura, à qual começa a dedicar-se em 2006, e ao curso de Artes Visuais que frequenta na Escola Secundária Antero de Quental. A Licenciatura em Pintura, na Universidade de Belas Artes de Lisboa, é o objetivo que se segue.

Apesar de já ter exposto o seu trabalho no Hospital Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, o artista, de 21 anos, considera a mostra agora patente no Centro Municipal de Cultura a sua primeira exposição a sério.

Xavier Ramos explica que o principal objetivo das suas obras é gerar discussão sobre temas delicados que, na sua opinião, “precisam ser abordados na nossa sociedade, em vez de serem ‘puxados para debaixo do tapete’, e transformarem-se em problemas para um futuro próximo”.

AA/CMPDL