GNR apreende cerca de 150 artigos por contrafação em São Miguel

O Comando Territorial dos Açores, através da Secção de Informações e Investigação Criminal (SIIC) dos Açores, no dia 11 de fevereiro, constituiu arguidos uma mulher e um homem de 26 e 29 anos, respetivamente, e apreendeu 147 artigos contrafeitos, no concelho de Ponta Delgada, na ilha de São Miguel.

No seguimento de uma investigação que decorria há cerca de dois meses, no âmbito de venda de produtos contrafeitos, promovidos nas redes sociais, os militares da Guarda deram cumprimento a um mandado de busca em estabelecimento comercial no concelho de Ponta Delgada, que culminou com a apreensão de 147 artigos contrafeitos e três telemóveis.

Os suspeitos foram constituídos arguidos, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Ponta Delgada.

Esta ação contou com o reforço do Posto Territorial de Ponta Delgada

A Guarda Nacional Republicana relembra que o objetivo principal deste tipo de ações é garantir o cumprimento dos direitos de propriedade industrial, visando essencialmente o combate à contrafação, ao uso ilegal de marca e à venda de artigos contrafeitos.

AA/GNR-CTA