Governo apoia profissionais de informação turística dos Açores

A Secretaria Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego, através da Direção Regional de Qualificação Profissional e Emprego, deu início ao Curso de Formação Específica do Regime Excecional de Certificação de Guias Intérpretes nos Açores. 

O curso, cuja sessão inicial decorreu nas instalações da Unidade de Aplicação do Restaurante/Lounge Anfiteatro da Escola de Formação Turística e Hoteleira, será ministrado em regime pós-laboral, das 18h00 às 22h00, durante os dias úteis, prolongando-se durante quatro meses. 

Atendendo ao contexto, o curso desenvolve-se em duas modalidades, uma presencial, em Ponta Delgada, e outra à distância, destinada a formandos que residem nas restantes ilhas do arquipélago.

Recorde-se que foi recentemente criado um regime excecional de natureza transitória que visa a certificação profissional e integração dos indivíduos que, não possuindo as habilitações profissionais exigidas na Região, podem obter a certificação profissional mediante a frequência de formação específica e aprovação em prova de aptidão. 

Nesse sentido e ao abrigo da Portaria n.º 38/2021 de 3 de maio, que regulamenta o exercício da atividade dos profissionais de informação turística nos Açores, foram estabelecidas as condições regulamentares necessárias à operacionalização daquele regime transitório.

O exercício da atividade dos profissionais de informação turística requer a titularidade de certificado de aproveitamento em curso de formação, sendo reconhecida a formação profissional de nível IV, bem como a formação de nível superior, obtida na área de turismo. 

AA/GRA