Governo destaca importância estratégica do Terminal de Cargas da Aerogare Civil das Lajes

Segundo o Vice-Presidente do Governo, o Terminal de Cargas das Lajes é uma “infraestrutura que complementa a Aerogare Civil das Lajes”, constituindo-se “não só como um instrumento fulcral para a reprodução de riqueza na ilha Terceira e na Região”, como também “fortalece e dinamiza o mercado interno, que é uma das premissas fundamentais do tão almejado desenvolvimento harmonioso das nossas ilhas”.

Artur Lima intervinha na inauguração do Terminal de Cargas da Aerogare Civil das Lajes, onde frisou ser uma obra há muito reivindicada por vários setores da sociedade e lamentou os constantes constrangimentos à sua concretização.

De acordo com o Vice-Presidente do Governo, esta infraestrutura “melhora substancialmente o movimento de mercadorias e cargas, atendendo às necessidades mais prementes das empresas e garantindo previsibilidades na expedição de produtos”.

Artur Lima salientou ainda as características da infraestrutura, nomeadamente a “capacidade de armazenamento de frio, com cinco câmaras de frio, sendo duas de congelação e três de frio regulável, uma delas exclusivamente para auxílio à exportação de flores”.

Isto resolve a “falta de armazenamento e de conservação de bens e produtos perecíveis” que, nos últimos anos, representou “um desafio constante e um obstáculo permanente aos empresários da Região”, acrescentou.

Para Artur Lima, o “desígnio do investimento público na Região” deve ser “dotar as empresas das ferramentas e dos meios necessários para que possam cumprir a sua missão empresarial”.

Iniciada em novembro de 2018, a obra tinha um prazo de execução de 540 dias, que foi prorrogado por três vezes, devido a constrangimentos causados pela situação pandémica. Este investimento, apoiado pelo PO2020, teve um custo global de cerca de 4,6 milhões de euros.

O Terminal de Cargas localiza-se a cerca de 400 metros da Aerogare Civil das Lajes, conta com uma área bruta de construção de 2.534 metros quadrados e um parque de estacionamento com capacidade para quatro dezenas de viaturas.

Este é um projeto da responsabilidade da empresa ArquiAngra, com fiscalização da Consulmar, Açores, LDA., tendo a construção da infraestrutura ficado a cargo das empresas Sacyr Ediçor SA; Marques SA; Tecnovia Açores – sociedade empreitadas, SA.

A abertura do Terminal de Cargas da Aerogare Civil das Lajes ao público está agendada para dia 22 de fevereiro.

AA/GRA