Governo dos Açores celebra protocolo com a Azores Geotur para promoção do geocaching

“O protocolo celebrado entre o Governo dos Açores e a Azores Geotur dá continuidade e aprofunda a parceria para a promoção do Geocaching, salientando que esta atividade tem vindo a “conquistar um número cada vez maior de adeptos no arquipélago”, afirmou a Diretora Regional do Turismo.

Marlene Damião falava à margem da assinatura do protocolo com a Azores Geotur, a primeira instituição a ser criada em Portugal e uma das mais antigas do mundo na área do Geocaching, considerando que demonstra “a vontade de prosseguir os objetivos da valorização da oferta desta atividade na Região e da sua promoção para o exterior”, mantendo o trabalho que é desenvolvido em conjunto há cinco anos consecutivos.

Nesse sentido, a Diretora Regional salientou que os Açores são um território “onde é possível ter ‘caches’ nos mais diversos tipos de lugares, desde espaços urbanos a lugares na Natureza, no mar e, inclusivamente, nos ilhéus que existem junto à costa de algumas ilhas”.

Marlene Damião realçou ainda a importância de estar “atentos às tendências mundiais deste produto, continuando a trabalhar na valorização da oferta desta atividade e na sua promoção no exterior, de forma a captar o maior número possível de ‘geocachers’ para a Região”.

A Diretora Regional referiu que, enquanto produto turístico, “o Geocaching tem vindo a ser trabalhado, por um lado, ao nível da estruturação da nossa oferta turística, no que diz respeito a melhorar e valorizar os ‘caches’ regionais, e, por outro, na componente promocional, nomeadamente através da realização de eventos na Região destinados a ‘geocachers’ regionais e do exterior e de viagens educacionais que visam a divulgação das condições do arquipélago para a prática desta atividade”.

Marlene Damião realçou ainda “o papel fundamental da comunidade local de praticantes”, considerando que “o seu empenho em criar ‘caches’ novas, em zelar pela sua manutenção e em manter a informação atualizada online, nos sites da especialidade, é considerado fundamental para o sucesso de qualquer destino na captação de ‘geocachers’”.

AA/Gacs