Horta reforça medidas de apoio aos bombeiros

A Câmara Municipal da Horta vai reforçar os apoios à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Faial, no âmbito do Cartão Municipal do Bombeiro. A informação foi avançada pelo Presidente da Câmara, durante a sessão solene comemorativa do 19.º Dia Municipal do Bombeiro, assinalada a 16 de maio.

De acordo com o Presidente da Câmara, “achamos que os benefícios do Cartão Municipal do Bombeiro, que criámos em 2017, com 20% de desconto na tarifa de água em habitação própria permanente ou arrendada, 50% de desconto no acesso à Piscina, Teatro e Centro Hípico e prioridade na atribuição de apoios à habitação de acordo com o regulamento, devem agora ser revistos e se possíveis alargados, pelo que vai ser avaliada a possibilidade de atribuição de um conjunto de novos benefícios em Cartão Municipal do Bombeiro, que inclua isenções ou reduções no pagamento de licenças de construção, águas e saneamento, apoio jurídico inicial em processos decorrentes de factos ocorridos no exercício das vossas funções e, ao nível da educação, a concessão de apoio, em material escolar destinado aos vossos filhos que frequentem, a partir já do próximo ano letivo, a escolaridade obrigatória.”

Na sessão solene comemorativa do Dia Municipal do Bombeiro, data instituída há duas décadas pela autarquia, o trabalho e empenho da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários do Faial, ao longo dos seus 109 anos de existência, foi reconhecido com a atribuição do mais alto galardão previsto no Regulamento de Medalhas e Insígnias Honoríficas do Concelho da Horta – a Chave de Honra da Cidade.

Na sessão solene foram, igualmente homenageados, com a atribuição de um diploma de reconhecimento, os bombeiros que, em 2020 e 2021, cumpriram 10 anos de serviço efetivo, no corpo de bombeiros da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários do Faial: Paulo Jorge Vieira Sérgio, Oleksandr Tymokhin, Patrícia Filipa de Sousa Pereira, Nelson André Sousa Pereira, Dário Miguel Fortuna Pacheco, Luís Nelson Rodrigues Silva Riscado, Márcia de São José Melo Silveira Medeiros e João Carlos Ávila Miguel.

A cerimónia contou, ainda, com a tomada de posse de novos membros do Comando. Assim, a juntar-se ao Comandante Nuno Henriques está Bruno Silveira, 2.º Comandante, e Cláudio Remédios, Adjunto do Comando.

Na sua intervenção, José Leonardo Silva recordou, igualmente, os vários projetos desenvolvidos em parceria com os bombeiros, nomeadamente a criação da figura do Coordenador Municipal de Proteção Civil, em 2017, o apoio na aquisição de novos equipamentos destinados aos Grupos Especializados da Associação, a resolução da localização do futuro e novo quartel em terreno municipal, ou, ainda, a compra de uma ambulância para transporte de doentes não urgentes, em 2019, também com comparticipação municipal.

Por seu turno, José Manuel Braia Ferreira, Presidente da Direção da Associação, defendeu a revisão do estatuto social do bombeiro e legislação conexa, bem como a reforma do modelo de financiamento das entidades detentoras de corpos de bombeiros pelo Estado.

AA/CML