‘Housing First’: Ponta Delgada vai ser pioneira na implementação do programa nos Açores

A Câmara Municipal de Ponta Delgada deu o primeiro passo na implementação do programa ‘Housing First’, com uma ação de formação que contou com a participação de várias associações, entidades e com a Divisão de Desenvolvimento Social do município.

O projeto ‘Housing First’ procura dar uma resposta realista e humana às pessoas em situação de sem-abrigo. É uma modelo individualizado, que propõe atribuir uma habitação por pessoa. “Este modelo permite a promoção da qualidade de vida das pessoas em situação de sem-abrigo. Sabemos que é muito diferente ter um espaço só nosso, em vez de um partilhado. Só o facto de as pessoas terem o seu “cantinho”, permite-lhes viver com mais dignidade e partir daí ter vontade e disponibilidade para recuperar outras situações na sua vida”, explica a Vereadora Cristina do Canto Tavares.

A autarca adianta ainda que “os resultados em termos de recovery e de saúde, bem como de redução significativa de consumo de substâncias psicoativas e da utilização de serviços de emergência são vistos a curto-médio prazo. Num espaço de dois anos, este programa mantém as pessoas fora das ruas, há uma redução nos consumos e a integração social é feita de uma forma muito mais suave e rápida. Através da atribuição de uma habitação digna, esperamos conseguir começarmos a trilhar um caminho para a reabilitação. Este programa salva vidas, e é isto que nós queremos para Ponta Delgada”.

O Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delegada, que também esteve presente, mostrou-se entusiasmado com os resultados do projeto e espera poder replicá-los no município. “Acima de tudo o que nós pretendemos é que, em parceria com outras entidades e associações, possamos dar passos certos e firmes no combate à exclusão social e pobreza. Hoje contamos com o apoio da associação Crescer e com a participação do psicólogo Américo Nave, que partilharam connosco a sua experiência. Esperamos conseguir perceber qual é a melhor estratégia a adotar na implementação deste projeto. Nós queremos ajudar não só as pessoas em situação de sem-abrigo, mas também todas as vidas que têm sido afetadas pela situação de terceiros”, afirma Pedro Nascimento Cabral.

O projeto ‘Housing First’ surgiu nos Estados Unidos da América há mais de 20 anos e foi introduzido em Portugal em 2009. Atualmente, 90% das pessoas acolhidas pelo projeto não regressam à condição de sem-abrigo, o que representa uma elevada taxa de sucesso.

Ponta Delgada é a primeira cidade dos Açores a implementar este projeto, que deverá entrar em ação nos próximos 6 meses. A autarquia já tem duas habitações disponíveis para uma experiência-piloto.

AA/CMPD