“ILHAS” estreia a 10 de dezembro no Teatro Micaelense

O Teatro Meridional estreia, a 10 de dezembro, no Teatro Micaelense, ILHAS, um espetáculo inspirado no arquipélago dos Açores.

Coproduzido com o Teatro Nacional D. Maria II e com o Teatro Micaelense, ILHAS conta com encenação de Miguel Seabra e interpretação de Ana Santos, David Medeiros, Emanuel Arada, Joana de Verona, Miguel Damião e Rosinda Costa.

Todo o processo de criação foi composto por residências artísticas, que aconteceram no Arquipélago Centro de Artes Contemporâneas, na Ribeira Grande, e em Angra do Heroísmo, durante o mês de julho, e, mais recentemente, já em outubro, nas ilhas do Pico e Faial, envolvendo todos os participantes no ato de criação e promovendo o contato direto com a comunidade local.

O Teatro Micaelense acolhe a estreia absoluta de ILHAS, a 10 de dezembro, e uma segunda sessão, no dia 11 de dezembro. Em janeiro de 2022, está programada a sua apresentação no Teatro Nacional D. Maria II, em Lisboa.

Este espetáculo faz parte do Projeto Províncias, que o Teatro Meridional desenvolve desde 2003 e cuja base de referência parte do estudo e da residência artística dos criadores em diferentes regiões portuguesas, dando a conhecer e valorizando especificidades e manifestações variadas, promovendo as suas diferenças ao mesmo tempo que fomenta proximidades.

O Teatro Meridional é uma entidade financiada pela Direção-Geral das Artes / Governo de Portugal e apoiada pela Câmara Municipal de Lisboa.

AA/TM