IV Feira de ambiente recebeu mais de três centenas de crianças e jovens

Mais de três centenas de crianças e jovens de estabelecimentos de ensino da Ilha, com idades compreendidas entre os três e os 18 anos visitaram a exposição “Agir em prol da natureza”, no período de 22 de maio a 05 de junho, no âmbito da IV edição da Feira de Ambiente.

Com o objetivo de sensibilizar os mais novos para as boas práticas ambientais, esta iniciativa contou com a presença de Eco-Escolas da Ilha, dos projetos LIFE da Região Autónoma dos Açores, da Praia Ambiente, E.M, e do Centro de Ciência de Angra do Heroísmo.

Em complemento, e no decorrer desta iniciativa, foram oito as palestras online (plataforma Zoom), que envolveram cerca de meia centena de participantes, no sentido de proporcionar a troca de conhecimentos nas várias temáticas ambientais abordadas durante o evento.

O Centro de Interpretação Ambiental do Paul da Pedreira do Cabo da Praia acolheu ainda a visita de aproximadamente uma centena de pessoas que se deslocaram a este local para conhecer a exposição patente neste período.

Para Raquel Borges, vereadora na Câmara Municipal da Praia da Vitória com o pelouro do Ambiente, “esta iniciativa cumpriu o objetivo principal de consciencialização da comunidade para a mudança de comportamentos no que concerne à sustentabilidade ambiental. A Câmara Municipal desenvolveu um conjunto de ações integradas na Feira de Ambiente destinadas a todas as faixas etárias, a fim de reforçar a partilha de experiências em prol do ambiente”.

“Desde temáticas ambientais desenvolvidas online e abertas à comunidade, bem como a envolvência da exposição Agir em prol da natureza, cujo objetivo passou pela sensibilização para as boas práticas ambientais, até à ação de limpeza costeira e subaquática da baía da Praia da Vitória. Foram diversas as ações que integraram o evento, no sentido de alertar para o impacto dos nossos atos na conservação do ambiente “, sublinha a autarca praiense.

“A IV Feira de Ambiente não teria sido possível sem a participação e o apoio de todas as pessoas que se empenharam para que o evento acontecesse. A todas as entidades envolvidas na exposição organizada, oradores convidados, empresas que nos apoiaram na ação de limpeza, voluntários, colaboradores municipais, escolas que nos visitaram e pessoas que a título individual marcaram presença na Feira de Ambiente, o meu sincero agradecimento. Este evento não teria sido possível sem o vosso esforço e dedicação”, salientou a responsável municipal.

Além destas ações, cada uma das entidades envolvidas na exposição deu a conhecer o trabalho desenvolvido na vertente ambiental. O mesmo pode ser consultado no facebook do projeto LIFE CWR. Quanto aos trabalhos desenvolvidos durante as palestras online, estes podem ser visualizados através do canal YouTube do Projeto LIFE CWR.

O Centro de Interpretação Ambiental do Paul do Pedreira no Cabo da Praia foi criado com o intuito de dar a conhecer as ações desenvolvidas no âmbito do projeto LIFE CWR, que visa o restauro ecológico e conservação da infraestrutura verde húmida costeira da Praia da Vitória. Este promove a biodiversidade presente nas três zonas húmidas locais: Paul da Praia da Vitória, Paul do Belo Jardim e Paul da Pedreira do Cabo da Praia.

AA/CMPV