Madalena reduz poluição luminosa nas Zonas Costeiras

De 18 a 20 de novembro as ruas da Madalena do Pico voltam a ficar às escuras. A Autarquia irá apagar a iluminação pública nas zonas costeiras da Vila que registam um número mais elevado de quedas de cagarros.

Sensibilizando uma vez mais a população para os efeitos nocivos da poluição luminosa nestas aves marinhas, a iniciativa do Município tem como objetivo prevenir o encandeamento e queda dos cagarros, uma das mais emblemáticas espécies da Região, evitando assim o risco de atropelamento e facilitando o seu regresso ao mar.

Com cerca de 75 por cento da população nidificante de cagarros, os Açores são a região do mundo que alberga mais casais reprodutores da espécie Calonectris Borealis, fazendo da sua proteção e conservação uma responsabilidade das nossas ilhas.

AA/CMM