Município admitiu 20 novos trabalhadores ocupacionais através do programa PROSA

A Câmara Municipal de Vila Franca do Campo admitiu a 3 de maio, 20 novos ocupados, através do programa PROSA, tendo estes assinado contratos válidos pelo período de um ano, com possibilidade de renovação por mais 6 meses.

A assinatura dos contratos decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho, com o Presidente da Autarquia a afirmar que a Câmara Municipal tem muito gosto em poder colaborar com os novos trabalhadores, no sentido de lhes proporcionar uma ocupação e um salário correspondente, sendo que a Autarquia também beneficia com a prestação dos serviços dos novos ocupados, no cumprimento das funções a que ficam destinados.

Ricardo Rodrigues disse esperar que a cooperação seja profícua para ambas as partes, e que os novos ocupados façam o melhor que sabem e podem, podendo inclusive ver os respetivos acordos ocupacionais renovados, caso os desempenhos correspondam às expetativas, notando que alguns dos ocupados presentes, já estiveram anteriormente inseridos em programas ocupacionais, tendo merecido nova oportunidade.

O Edil Vila-franquense observou que existem fases e situações nas vidas de cada pessoa em que podem, por um motivo ou outro, encontrar-se sem trabalho, pelo que estes programas ocupacionais são uma aposta importante, quer da Autarquia, quer do Governo Regional, constituindo uma oportunidade para as pessoas estarem ocupadas, terem um salário e poderem sentir-se e serem úteis à sociedade.

AA/CMVFC