Município de Ponta Delgada assina protocolo de cooperação com Bombeiros Voluntários

O Município de Ponta Delgada e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada (AHBVPD) assinaram o protocolo de cooperação, através do qual esta última vai receber da autarquia um apoio financeiro no valor de 145 mil euros.

A verba destina-se ao pagamento dos custos inerentes aos seguros relativos a acidentes com os bombeiros profissionais e voluntários, assim como à comparticipação dos custos de execução e manutenção de atividades de interesse municipal promovidas pela AHBVPD, nomeadamente nas áreas da saúde, proteção civil e segurança.

Este apoio financeiro atribuído pela autarquia inclui ainda o apoio extra, já atribuído no ano passado, para aquisição de material de proteção contra a Covid-19, como desinfetantes.

Após a assinatura do documento, que decorreu no Paços do Concelho, a Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada sublinhou que a autarquia renova, deste modo, um protocolo que é “estabelecido há já largos anos” com a AHBVPD, na ocasião representada pelo seu presidente da direção, João Paulo Medeiros, reforçado desde o ano passado face às “consequências da pandemia na atividade das associações”.

A autarca destacou ainda o “trabalho dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada em prol da comunidade”, muito do qual resulta da prática de voluntariado quer da direção, quer do comando, o que “dá bem nota da dedicação cívica e do empenho dos seus membros no socorro, assistência e apoio aos cidadãos, às famílias e à comunidade”.

“A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada tem de ser considerada o principal e melhor ativo do Serviço Regional de Proteção Civil, pela qualidade, dimensão e até pela sua História”, acrescentou Maria José Lemos Duarte, que visitou recentemente a instalações dos bombeiros, acompanhada pelo Vice-Presidente da Câmara, Pedro Furtado, onde reuniu com a sua direção.

A Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada, para além da sua atividade principal, a proteção desinteressada de vidas e bens, incluindo o socorro a náufragos, feridos e doentes, desenvolve atividades no âmbito da formação profissional, cultura e recreio, desporto e saúde.

AA/CMPD