OPJ da Lagoa com votação recorde

A votação do Orçamento Participativo Jovem de Lagoa, que se encontra a decorrer até ao final do mês de março, atingiu já o número de votos da edição anterior. Foram, até agora, realizadas 64 ações de voto, que representaram cerca de 3000 votos, entre estabelecimentos de ensino, juntas de freguesia, lares de idosos e população em geral.

O direito de voto tem sido acolhido, com enorme adesão, em todos os estabelecimentos de ensino do concelho, com a colaboração de funcionários, professores e conselhos executivos, sendo que, a equipa do OPJ de Lagoa já percorreu todos os níveis de ensino.

Esta semana foi a vez dos alunos da Escola Básica Integrada de Água de Pau procederem à votação, através do voto presencial e por SMS. Toda a comunidade escolar mostrou interesse em conhecer os projetos a votação, tendo escolhido os seus dois preferidos. Nas sessões da noite, três turmas dos cursos de formação de nível básico para adultos votaram também nos projetos desta edição do OPJ.

Nestas ações de sensibilização para o voto, a equipa do OPJ Lagoa tem apelado, também, para que os alunos incentivem os seus amigos e familiares a votar, através do site ou por SMS gratuito para o número 4310.

A Câmara Municipal de Lagoa congratula todos os estabelecimentos de ensino e comunidade escolar pela forma como tem acolhido a equipa do Orçamento Participativo Jovem, demonstrando uma total disponibilidade para colaborar nesta ação cívica.

O OPJ Lagoa percorreu, até agora, as escolas de ensino básico do concelho, a Escola Padre João José do Amaral (Fisher), Escola Secundária de Lagoa, Escola Profissional INETESE, Escola Básica Integrada de Água de Pau, o Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia de Santo António de Lagoa e as cinco Juntas e Freguesia do concelho. As próximas ações de voto serão realizadas junto das instituições desportivas e culturais do concelho.

De acordo com a vereadora da área da Educação e Cultura, Albertina Oliveira, “esta votação recorde é um exemplo de que, apesar das circunstâncias pandémicas que estamos a viver, a participação cívica, desde os mais novos até aos mais idosos, continua a prevalecer e a demonstrar que a população quer participar ativamente em prol do seu concelho”.

Lembre-se que, a votação se encontra aberta a toda a comunidade, de qualquer residência e faixa etária, devendo cada pessoa escolher dois projetos. Além da votação presencial nas escolas, por SMS e através do site, existem também quiosques instalados para o efeito no edifício Paços do Concelho e no hipermercado Continente na Lagoa.

AA/CML