“Piquete H24” disponibilizará um piquete de Proteção Civil 24h

A Câmara Municipal de Vila do Porto irá disponibilizar, em breve, um piquete de Proteção Civil 24/7, serviço que será denominado “Piquete H24”.

Bárbara Chaves explicou que a intenção é ter sempre um funcionário do município disponível para qualquer ocorrência que se verifique em todo o concelho. Pretende-se, deste modo, aumentar a segurança e a proximidade com as populações, promovendo uma maior e melhor disponibilidade operacional e permanente dos meios técnicos.

A presidente adiantou esta informação na audição com a Comissão de Política Geral da Assembleia Legislativa que decorreu no próprio Município, no âmbito de acompanhamento da situação das autarquias e da Proteção Civil dos Açores. Acresce ainda que, no mês de janeiro, já se tinha realizado uma reunião técnica e de trabalho entre a Câmara Municipal e o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores, encontros que estão a ser promovidos por esta entidade em todos os municípios.

Segundo a autarca, dos vários pontos abordados da relação entre o serviço local e regional, foi dada a nota de que o Município de Vila do Porto apresenta um serviço de proteção civil com um dos melhores funcionamentos da região, cumprindo com as suas colaborações, nomeadamente por ter um coordenador nomeado na área, ter um Plano Municipal de Emergência atualizado, efetuar os exercícios testes devidos e ter pronta disponibilidade para resolução de problemas.

Na referida reunião, a presidente solicitou, ainda, o apoio dos serviços regionais na componente dos sistemas de informação geográfica para efeitos de elaboração e produção de cartografia de base municipal no que diz respeito a cartas de suscetibilidade de risco e cartas de elementos expostos e a sua correlação.

Importa referir que os Serviços Municipais de Proteção Civil são os adequados ao exercício da função de proteção e socorro, variáveis de acordo com as características da população e dos riscos existentes no município, tendo como objetivo prevenir/atenuar a ocorrência de riscos, socorrer e proteger as pessoas e apoiar a reposição da normalidade, reforçando a pertinência da existência de um Planeamento de Emergência, campanhas de sensibilização e exercícios/simulacros.

AA/CMVP