Publicadas listas definitivas de beneficiários de Incentivo ao Arrendamento para 2022

A Vice-Presidência do Governo, através da Direção Regional da Habitação, publicou, as listas definitivas dos beneficiários de Incentivo ao Arrendamento para o ano de 2022, prevendo-se um investimento em cerca de 3,5 milhões de euros.

Do total das candidaturas apresentadas, foram admitidas 1.939 famílias que passarão a usufruir de um apoio mensal ao pagamento da renda durante 12 meses, o que representa um investimento mensal na ordem dos 288 mil euros.

As listas foram publicadas no portal da Direção Regional da Habitação, nas lojas RIAC e nos serviços de Habitação de cada uma das ilhas.

Das 1.939 famílias beneficiárias, que representam um universo de 4.860 pessoas, cerca de 31,6% são famílias jovens e 33,5% são famílias monoparentais, dos quais, 9,5% do total dos agregados, apresentam ambas as condições.

Relativamente aos beneficiários do ano de 2021, verifica-se um aumento de 1.867 para 1.939 famílias.

Prevê-se que o início do pagamento das mensalidades destes apoios decorra a partir de 8 de fevereiro.

Este programa permite efetuar o pedido de incentivo ao arrendamento de prédios ou de frações autónomas para residência permanente. O incentivo é concedido sob a forma de subvenção mensal, não reembolsável, aos agregados familiares que reúnam as condições de acesso, pelo período de um ano, podendo ser renovado por igual período, até ao máximo de quatro renovações consecutivas.

AA/GRA