Regulamento de bolsas de estudo da Lagoa em fase de discussão

Foi publicado, no dia 2 de junho, no Diário da República, II série, para discussão pública, a proposta de Regulamento de Bolsas de Estudo de Mérito e Bolsas de Estudo para Estudantes deslocados do Município de Lagoa – Açores.

Este regulamento constitui mais uma medida de incentivo aos jovens lagoenses para a prossecução dos seus estudos e, desta forma, um contributo para melhorar os números do sucesso educativo.

Para além disso, a situação geográfica insular e a inexistência de oferta formativa variada de nível superior, na região, obriga os estudantes a frequentar cursos de ensino superior fora dos Açores, acarretando um esforço acrescido a nível económico para o agregado familiar.

Apesar da Câmara Municipal não ser um agente diretamente responsável pela Educação, tem tido um papel ativo, através de um conjunto de medidas de incentivo, de promoção e de melhoramento do sucesso escolar no concelho. Por isso, este regulamento reflete a intenção do Município em premiar o mérito dos jovens lagoenses, que frequentam o Ensino Superior e que se destacam pelo seu elevado potencial académico e, simultaneamente, visa apoiar a prossecução dos estudos de nível superior dos estudantes deslocados, mas residentes no concelho, através de um contributo financeiro para as despesas decorrentes dos estudos.

Encontra-se, igualmente, em discussão pública a proposta de Regulamento do Cartão Jovem Municipal que é uma iniciativa da exclusiva responsabilidade do Município e que se destina a facilitar a fixação dos jovens no Município de Lagoa, assumindo-se, como um veículo de informação, divulgação e promoção dos vários serviços do concelho.

Através do Cartão Jovem Municipal, os jovens residentes e estudantes no município, entre os 12 e os 30 anos de idade, poderão aceder a um vasto conjunto de descontos, em diversas áreas, que lhes permitirão usufruir da oferta cultural, desportiva e de lazer do concelho, bem como das vantagens oferecidas por diferentes lojas aderentes.

Com a implementação destas medidas, que se verificam não só ao nível da Educação, mas também da Juventude, o município está, claramente, a investir nos mais jovens.

De destacar, o Orçamento Participativo Jovem, que tem cativado e envolvido os jovens na definição de investimentos e de políticas públicas locais; os prémios de mérito académico aos alunos dos três estabelecimentos de ensino do concelho, a atribuição de bolsas de estudo “jovens à descoberta” na Escola Secundária de Lagoa e as Sessões de Promoção da Cidadania e Educação Política.

Ainda centrado na juventude, destaque para outras medidas como a cobertura do polidesportivo dos Remédios para pavilhão de treinos que se encontra em execução; o Projeto Náutica/0; a rede de trilhos homologados do concelho; entre muito outros incentivos.

A par disto tudo a cooperação técnica e financeira com instituições que trabalham na área juvenil e que têm por objetivo apoiar a prossecução dos seus planos de atividades.

A Lagoa é um dos concelhos que detém um índice de juventude elevado e, por isso, a educação, a juventude e o desporto são áreas em que o município tem apostado fortemente, investindo nos jovens, na sua formação e na ocupação sadia dos seus tempos livres.

AA/CML