Secretaria Regional do Mar e das Pescas assina Carta de Compromisso com “chicharreiros”

No âmbito das reuniões mantidas nas últimas semanas com os diversos intervenientes da fileira do Chicharro, a Secretaria Regional do Mar e das Pescas assinou uma Carta de Compromisso, com o objetivo de se promover uma ação concertada para combater a atual problemática daquela espécie na ilha de São Miguel.

O documento, que teve como signatários o Secretário Regional do Mar e das Pescas, Manuel São João, a Federação das Pescas dos Açores e cerca de uma dezena de armadores, pretende vincular publicamente as entidades signatárias às propostas apresentadas pela Secretaria Regional do Mar e das Pescas no sentido de minimizar os constrangimentos que afetam o setor.

As propostas apresentadas, cuja formalização deverá ocorrer nos próximos dias, incluem medidas para redução dos montantes previstos para “caldeirada” e isco, uma compensação para o valor fixado do preço de retirada de Chicharro em lota e ações de marketing para a valorização da espécie.

Os “chicharreiros” têm vindo a debater-se com dificuldades acrescidas face ao grande volume de pescado que é capturado e que o mercado não consegue absorver e, por outro lado, com as recorrentes situações de fuga à lota, o que tem contribuído para um desequilíbrio dos próprios mercados e que dificulta o normal escoamento desta espécie.

Enquanto tutela setorial do Governo dos Açores, a Secretaria Regional do Mar e das Pescas pretende implementar medidas eficazes para colmatar as dificuldades sentidas pelos profissionais que se dedicam exclusivamente à captura desta espécie.

AA/GRA