Secretário e diretor regional em festa sem cumprir regras sanitárias

O Bloco de Esquerda quer esclarecimentos do presidente do Governo Regional sobre a presença de um membro do executivo e de um diretor regional num evento na ilha Terceira em que ambos não cumpriram as mais básicas regras sanitárias em vigor, e alerta para a mensagem contraditória que esta atitude transmite para a população.

Em causa estão imagens que vieram a público nas redes sociais que mostram o secretário regional da Agricultura e o diretor regional da Cultura num espaço fechado, com mais de 40 pessoas sem máscara e sem distanciamento, a assistir a cantigas ao desafio, na ferra da Ganadaria Francisco Pereira.

O Bloco de Esquerda considera que “o desrespeito de regras por parte dos membros da própria entidade que as estabelece – o Governo Regional – pode gerar um sentimento de incompreensão por parte da população e passa uma mensagem totalmente contraditória àquela que tem sido veiculada insistentemente há mais de um ano”.

Os membros do Governo não podem aparecer em vídeos de sensibilização para cumprimento de regras sanitárias num dia, e no dia seguinte participarem em eventos sem cumprir estas mesmas regras.

Por isso, o Bloco de Esquerda quer saber se José Manuel Bolieiro teve conhecimento deste incumprimento por parte do secretário regional da Agricultura e do diretor regional da Cultura, e como se justifica esta atitude por parte destes responsáveis políticos, que deviam ser os primeiros a dar o exemplo.

O deputado e a deputada do Bloco perguntam ainda se o Governo Regional irá retratar-se publicamente por este incumprimento e que diligências serão tomadas no sentido de evitar que esta situação se repita em ocasiões futuras.

A atitude destes responsáveis políticos é inaceitável perante os sacrifícios a que a população tem sido sujeita ao longo de mais de um ano para combater a pandemia, considera o BE.

AA/BE