Sessão “Verão Azul” promove debate sobre sustentabilidade da cidade da Horta

A Secretaria Regional da Cultura, Ciência e Transição Digital, por via da Direção Regional da Cultura e através do Museu da Horta, promove mais uma sessão de “Verão Azul” a 3 de setembro, sexta-feira, com o tema “Como tornar a Horta numa cidade sustentável – O Futuro da Cidade da Horta, Estratégia Urbana da Horta e Sustentabilidade”, sessão orientada por Tomás Melo.

“Verão Azul”, evocando a famosa série espanhola produzida nos anos 80 do século XX, que tinha como alvo o público infantojuvenil, convoca residentes e visitantes para passeios pelo património cultural da cidade, ao final da tarde ou mesmo pela noite dentro, reconvertendo simbolicamente a cidade no museu.

No dia 3 de setembro, o tema apresentado por Tomás Melo – orientador deste percurso -, será “Como tornar a Horta numa cidade sustentável – O Futuro da Cidade da Horta, Estratégia Urbana da Horta e Sustentabilidade”. A concentração será às 17h30, no relvado do Largo do Infante, e a partir daí desenrolar-se-á um percurso orientado, com a duração de uma hora.

Tomás Melo nasceu em Évora, estudou arquitetura em Lisboa e em Berlim, vive e trabalha na Horta desde 2007. Arquiteto, designer e artista multidisciplinar, é um dos diretores da Associação Cultural Fazendo e do Festival Maravilha.

Iniciou a sua carreira como arquiteto no atelier de João Luís Carrilho da Graça em Lisboa, na Horta começou por trabalhar no atelier do arquiteto Pedro Porteiro, trabalhou posteriormente em parceria com o arquiteto Albino Pinho e, neste momento, tem atelier próprio. Todos os anos, cria e leciona em diversas oficinas e workshops de desenho, reciclagem, arquitetura, banda desenhada e educação ambiental.

Os interessados poderão fazer a sua inscrição até ao dia 2 de setembro, através do telefone 292392784 ou servicoeducativomh@azores.gov.pt.

AA/GRA