Sintap reivindica a regularização da situação dos técnicos superiores das IPSS/Misericórdias do ISSA

O SINTAP recordou que reivindica desde 2008 a regularização da situação dos Técnicos Superiores contratados pelas IPSS/Misericórdias mas que se encontram na prática a prestar serviço e a trabalharem para o ISSA, Instituto de Segurança Social dos Açores, desempenhando aí exatamente as mesmas funções que as dos seus colegas com contrato de trabalho em funções públicas, defendendo-se assim a integração destes profissionais na Administração Pública Regional, concretamente nos quadros do ISSA.

Em nota enviada às redações, recorda o sindicato que em abril de 2019, em audiência pedida para este efeito, o Governo Regional comprometeu-se com o SINTAP que iria proceder à regularização da situação destes profissionais, através da abertura dos respetivos procedimentos concursais de ingresso, reconhecendo então a injustiça e iniquidade da situação destes trabalhadores. Acontece, porém, que chegados a esta altura, se constata ainda a existência de muitos técnicos superiores que aguardam pela regularização da sua situação laboral, insatisfeitos pois pela mora verificada na abertura dos respetivos concursos de ingresso.

O SINTAP anunciou que reivindicou uma vez mais a atenção e intervenção da VPGRA no sentido da conclusão célere do processo integrativo deste pessoal, tendo-se aproveitado a oportunidade para indagar sobre o número dos profissionais que já foram integradas até ao momento, por via dos procedimentos concursais, bem como sobre o número dos que faltam ainda ser integrados na Administração Pública (ISSA), de cuja resposta ainda se aguarda.

AA/Sintap