Susete Amaro sublinha “capacidade e visibilidade” do NONAGON

A Secretária Regional da Cultura, da Ciência e Transição Digital defendeu que a construção do Lote 32 do NONAGON, projeto já em curso, vai “reforçar a capacidade e a visibilidade do Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel”.

Susete Amaro falava na sessão de abertura das comemorações do 6.º aniversário daquela estrutura, aproveitando a ocasião para saudar a adesão das empresas, numa perspetiva de dinamização tecnológica e de formação de capital humano qualificado.

O “nomadismo digital” foi também apontado como “nova oportunidade económica para os Açores”, manifestando a governante a disponibilidade do Governo Regional para a “criação de uma arquitetura de atração e acolhimento para este segmento específico”.

O NONAGON, situado na cidade de Lagoa (ilha de São Miguel), reúne quase quatro dezenas de empresas tecnológicas, num total de 200 colaboradores, e o Lote 32, em construção, é o novo passo estrutural para o reforço da sua capacidade de acolhimento.

AA/GRA