Transporte aéreo de doentes

A Esquadra 504 transportou uma senhora de 75 anos dos Açores para o Continente. Um médico e enfermeiro da Força Aérea asseguraram os cuidados necessários durante todo o voo.

Este foi o 11.º transporte aeromédico dos últimos 7 dias.

Entretanto a esquadra 502 “Elefantes” foi ativada a 05 de fevereiro para o transporte urgente de três doentes. O C-295 descolou às 10h30 para efetuar o transporte do primeiro doente das Flores para a Horta.

Em seguida a aeronave descolou para transportar o segundo doente da Graciosa para a Terceira, onde aterrou às 14h20, totalizando 2h15 de tempo de voo.

Às 16h20 voltava a descolar, desta vez para efetuar o transporte urgente de um doente de São Jorge para a Terceira, onde aterrou às 17h55, totalizando 35 minutos de tempo de voo.

Também a Esquadra 751 “Pumas”, durante o dia 03 de fevereiro, e a madrugada do dia 04, foi ativada para o transporte urgente de dois doentes.

O primeiro doente, foi um Covid da ilha das Flores.

O EH-101 descolou às 17h40, e aterrou na Base Aérea às 21h30, tendo a tripulação e a aeronave seguido para uma descontaminação imediata.

A equipa do centro de saúde da Base Aérea, ajudou na descontaminação individual da tripulação, e uma equipa especializada da Base procedeu à descontaminação do EH-101.

Esse transporte totalizou 3h50 de tempo de voo.

À 00:00 descolaram para o transporte do segundo doente, de Santa Maria para São Miguel, aterraram na Base Aérea às 4h05, totalizando 3h25 de tempo de voo.

AA/FAP-BA4