Vacinação avança nos Açores e expetativa é ter Região com imunidade em julho

O Presidente do Governo Regional dos Açores anunciou que a Região vai ter uma majoração no número de vacinas contra a covid-19, que terão como prioridade fechar o processo nas ilhas sem hospital, e é esperada para julho a imunidade comunitária do arquipélago.

Em conferência de imprensa tida em Ponta Delgada, e em que esteve também presente o Vice-Presidente do Governo, Artur Lima, e o Secretário da Saúde, Clélio Meneses, José Manuel Bolieiro anunciou o apoio da República para um reforço de vacinas destinadas em concreto às cinco ilhas sem hospital que ainda não têm toda a população.

Recorde-se que, de forma pioneira, o Governo Regional dos Açores havia já avançado em março para a vacinação completa da ilha do Corvo, a com menos população do arquipélago, que assim atingiu a imunidade de grupo.

A majoração de vacinas será, também, acompanhada pelo apoio de “uma equipa nova de militares”: seis enfermeiros, dois médicos e um farmacêutico.

“Adquirida esta majoração de vacinas e com esta equipa, as ilhas com hospital, designadamente as ilhas de São Miguel, Terceira e Faial, contarão com o reforço da aplicação e alocação das vacinas do nosso próprio ‘stock’”, garantiu ainda o Presidente do Governo.

Assim, é expetativa do Executivo antecipar o calendário da imunidade completa da Região, que, estipulam os dados científicos, se atinge com 70% ou mais da população inoculada.

O Governo Açoriano perspetiva assim que, “durante o mês de julho”, a Região possa atingir a “imunidade comunitária em todas as ilhas”.

José Manuel Bolieiro adiantou ainda que 44% dos Açorianos já levaram pelo menos uma dose da vacina contra a covid-19, e apresentou também o calendário da aceleração do processo nas ilhas sem hospital: a população ainda não vacinada em Santa Maria sê-lo-á entre 6 e 8 de junho; nas Flores o processo decorre a 9 a 10 de junho; na Graciosa entre 11 e 13; São Jorge recebe a equipa militar e as vacinas entre 14 e 16 e o Pico terá igual processo entre 17 e 20 deste mês.

AA/GRA