Vice-Presidência promove sessões de ‘coaching’ para incentivar jovens em situação de vulnerabilidade

A Vice-Presidência do Governo Regional, através da Direção Regional da Promoção da Igualdade e Inclusão Social, lançou hoje a iniciativa “Challenge by choice – Desafia-te!”, integrada no plano de formação e de capacitação das famílias mais vulneráveis, financiado pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

Nesta fase, as sessões de formação dirigem-se a cerca de 1.000 jovens entre os 14 e os 18 anos oriundos de agregados que beneficiem de RSI, decorrendo nas ilhas de São Miguel, Terceira e Faial.

Considerando o público-alvo, a Vice-Presidência do Governo decidiu apostar numa metodologia mais apelativa e dinâmica, recorrendo a sessões de ‘coaching’, que serão ministradas pela formadora Kátia Almeida, fundadora da Beyond Fear.

O conceito por detrás desta aposta firma-se na convicção de que antes de avançar para ações de formação mais específicas e profissionalizantes – que serão depois adicionadas – há que primeiro inspirar os jovens, rompendo com estereótipos e com ideias pré-concebidas, apostando no seu desenvolvimento pessoal e social.

O programa tem como grande objetivo a promoção de relações sociais saudáveis através da resiliência, conexão e empatia. Os jovens serão desafiados e incentivados a restaurar a confiança em si e nos outros, a trabalhar o seu empoderamento social e determinação, com vista a trilhar um caminho liberto de percalços.

Em termos de metodologia as sessões terão, além desta componente formativa de enquadramento teórico, uma componente mais dinâmica, com atividades e jogos de interação, facilitados por profissionais da Casa do Povo de Santa Bárbara.

Para além das três sessões de coaching que decorrerão no Parque NONAGON até amanhã, existirão duas sessões na ilha Terceira, a 17 e 18 de setembro, respetivamente na Escola Básica e Secundária Tomás de Borba e na Escola Secundária Vitorino Nemésio. A 5 de outubro, haverá uma sessão no Faial, na Escola Profissional da Santa Casa da Misericórdia da Horta.

Durante o evento, a Diretora Regional para a Promoção da Igualdade e Inclusão Social, Sandra Garcia, vincou que a “intenção do Governo é que os jovens possam ser cidadãos ativos, livres de preconceitos e capazes de ultrapassarem os constrangimentos ao vosso sucesso pleno”.

Esta iniciativa integra a medida do PRR – “Reforçar a capacidade técnica das famílias abrangidas pela ação social, com formação contínua, anualmente, às famílias (apoiadas pelo Rendimento Social de Inserção)” –, que faz parte da componente C03-i04-RAA – Implementar a Estratégia Regional de Combate à Pobreza e Exclusão Social.

AA/GRA